Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

newspaper

news

Foram aceitas inscrições tanto de móveis inéditos, executados ou não, quanto de peças já existentes, de autoria desconhecida e profissionais ou amadores, tais como artesãos, designers, marceneiros, estudantes, arquitetos, serralheiros e desenhistas.

De 2 de setembro a 13 de novembro, o MASP recebeu propostas para um novo mobiliário brasileiro, como parte do projeto do artista Jonathas de Andrade (Maceió, 1982), que fica em exposição até 29 de janeiro de 2017, no 1º subsolo do museu.

Abaixo, o anúncio das inscrições selecionadas por Jonathas de Andrade:

 “Recebemos quase 700 inscrições com as propostas mais variadas – populares, inventivas, artesanais, performáticas, com posicionamentos políticos, reflexões sobre desmonte e descarte, questionamentos sobre o nacional, comentários sobre a morte e a vida. Elas trazem a temperatura caótica dos dias de hoje, e o júri – formado por Camila Bechelany, Maurizio Zelada, Patrícia Amorim e Tatiana Sakurai e por mim – teve a difícil tarefa de chegar a um conjunto representativo diante da surpreendente quantidade e variedade de inscrições.

A recompensa foi fixada em R$ 400 para todos os selecionados, de forma a contemplar mais propostas diante dos limites de orçamento. As peças selecionadas foram coletadas e integram a exposição até 29 de janeiro de 2017. Cada proposta enviada - selecionada ou não - representa uma contribuição muito importante para a Convocatória, um projeto que busca entender de que forma os aspectos em torno do mobiliário brasileiro e de seu uso cotidiano – "popular" ou não – nos oferecem elementos para pensar a complexidade do Brasil de hoje.

Todas as inscrições serão publicadas no site do projeto, bem como em um arquivo-pasta que poderá ser consultado na exposição, inclusive aquelas que não foram classificadas para a avaliação do júri.

Resultado da Convocatória para um Mobiliário Brasileiro traz as 51 propostas selecionadas

037 - Poltrona Bridge - Jonathan Fulanetti / São Paulo / SP

045 - Gentrificada - Carla Lombardo // Autor da peça: Sr. Biu de Tatuoca / Recife / PE

062 - Trancaço - Mariana Lacerda Gonçalves e Pedro Marques // Coautores: Alunos do Colégio Estadual Fernão Dias (e das escolas ocupadas do Estado de São Paulo) / São Paulo / SP

065 - Ciranda: cadeirinha para chão - Erika Foureaux // Coautores: Tulio Pereira

Santos, Gabriel Muniz, Gunnar Lima e Leonardo Conta / Belo Horizonte / MG

081 - Bancos verde e laranja - Tobias Barletta Silva / São Paulo / SP

103 - Da árvore a mesa de centro - Moacyr Vargas Junior / Canoas / RS

111 - Banco fechado - Juliano Augusto Vidal / São Paulo / SP

134 - Assentável - Leandro Gabriel / Belo Horizonte / MG

135 - Pau de arara - Lourival Cuquinha // Coautor: OttO / São Paulo / SP

170 - Cadeira para cabelos curtos - Priscila Gonzaga / Recife / PE

174 - Cadeira - Fernando Ancil / Olinda / PE

178 - Móveis? - Tv Duplo Vidro - Pedro Bronz / Rio de Janeiro / RJ

181 - Cama de Guarda Roupa - Marcelo Zocchio // Coautores: Marcenaria Quiari / São Paulo / SP

209 - A segunda crucificação - Natalie Salazar / São Paulo / SP

222 - Privada pública - José Adair Chaves de Oliveira / Contagem / MG

230 - Mesa Genius - Tatiana Araújo Diniz / São Paulo / SP

235 - Cadeira Iadê - Adriana Nagel Bianchi / São Paulo / SP

290 - Angel - Tiago Curioni / São Paulo / SP

316 - Cadeira branca - Andrea Bandoni / São Paulo / SP

319 - Espata de palmeira - Andrea Bandoni / São Paulo / SP

320 - Rede indígena - Andrea Bandoni / São Paulo / SP

364 - Mesa Gertrudes - Oficina São João // Coautores: Rubens Azevedo, Kanto

Iwamura / Santo André/ SP

372 - Cadeiras/Escorregador "Cara de piranha" - Rogério Ricciluca Matiello Félix /São Paulo / SP

374 - Coluna de valores - Paulo Roberto Menezes Prudente / Barra dos Coqueiros / SE

384 - Memento - Andreas Anwander / São Paulo / SP

385 - Plâmpada - Andrew de Freitas / Rio de Janeiro / RJ

422 - Performática cadeira - Leonardo Akio / São Paulo / SP

434 - Objeto completo - Móvel de ressurreição - João Maciel / Belo Horizonte / MG

485 - Estante biombo e divisória (anos 1960) - Valéria Julia Castellano / São Paulo / SP

486 - Banco Baque - Cadu Silva / São Caetano do Sul / SP

523 - Prateleira de canto "ar" - Jan Nehring / São Paulo / SP

528 - Cadeira arara-vermelha - Roseli Gomes da Silva (Ana Laura Badue - Silvia

Regina Badue // Coautores: Otoniel Silva, Paulino dos Santos / São Paulo / SP

551 - Clara caranguejo - Amanda Beatriz Palma de Carvalho / São Paulo / SP

559 - Torre para projeção - Henrique Koblitz Essenger / Recife / PE

563 - Intervenções de aproximação - Matheus Silva Lins // Coautores: Moradores da comunidade do Amarelinho (Salvador – BA) / Salvador / BA

570 - Outro mobiliário é possível (e outra pedagogia também) - Valdevino Cardoso Gonçalves (indígena da etnia Terena) // Coautoria: Juma Marruá / Recife / PE

573 - Pássaro - Belmiro Adauto Baio / Itápolis / SP

580 - Bucha soberana - Cultivado em Casa / Belo Horizonte / MG

594 - Cadeira para sifilíticas estilo anticolonial - Lígia Marina // Coautora: Ruth

Steyer / Recife / PE

595 - Cadeira de aposentar veinho ou cadeira-quebra- galho - Rimauro José da Silva / Recife / PE

599 - Banco de retalhos - Felipe de Souza Silva // Coautores: Projeto desenvolvido para Empresa Monthal Lingerie Noite / Bom Jardim / RJ

603 - Escadas - Gisele Gobbo de Souza / São Paulo / SP

607 - Cadeira rolo pregos - Outra Oficina / São Paulo / SP

621 - Mesinha tupinambá - Kaluanã Tupinambá / Ilhéus / BA

623 - Sofá, poltrona - Janina McQuoid / São Paulo / SP

626 - Banco pé - Marie Carangi / Recife / PE

629 - Poltrona Buriti - Estúdio Polpa // Coautores: Nina Coimbra, Thiago Lucas /

Brasília / DF

661 - Banquinho rapa-coco - Fabiana Moraes / Recife / PE

666 - Sobre posição 003 - Daniel Nogueira de Lima / Botucatu / SP

674 - Pia-escrivaninha - Fátima Marchetti / Guarulhos / SP

677 - Armário de roupas - Beatriz Borges Duduch / São Paulo / SP

Jonathas de Andrade,  www.convocatoriamobiliario.com.br

SERVIÇO

Convocatória para um Mobiliário Brasileiro

2 de setembro de 2016 a 29 de janeiro de 2017
1º subsolo do MASP
Avenida Paulista, 1578, São Paulo, SP

terça a domingo: das 10h às 18h (bilheteria aberta até as 17h30); quinta-feira: das

10h às 20h (bilheteria até 19h30)
R$30,00 (entrada); R$15,00 (meia-entrada)

O MASP tem entrada gratuita às terças-feiras, durante o dia todo.

AMIGO MASP tem acesso ilimitado e sem filas todos os dias em que o museu está aberto.

O ingresso dá direito a visitar todas as exposições em cartaz no dia da visita.

Estudantes, professores e maiores de 60 anos pagam R$15,00 (meia-entrada).

Menores de 10 anos de idade não pagam ingresso.

O MASP aceita todos os cartões de crédito.

Estacionamento: Convênios para visitante MASP, período de até 3h. É preciso carimbar o ticket do estacionamento na bilheteria ou recepção do museu.

CAR PARK (Alameda Casa Branca, 41)

Segunda a sexta-feira, 6h-23h: R$ 14,00

Sábado, domingo e feriado, 8h-20h: R$ 13,00

PROGRESS PARK (Avenida Paulista, 1636)

Segunda a sexta-feira, 7h-23h: R$ 20,00

Sábado, domingo e feriado, 7h-18h: R$ 20,00

Acessível a deficientes físicos, ar condicionado, classificação livre.

Rapa coco menor

Rapa coco menor

Masp anuncia resultado da convocatória: Mobiliário Brasileiro

source
Imprensa Masp
São Paulo SP

share


© 2000–2021 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided