Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

projects  


abstracts

how to quote

PORTAL VITRUVIUS. Programa Praça-Escola / Secretaria Adjunta de Projetos Urbanos. Projetos, São Paulo, ano 08, n. 088.01, Vitruvius, abr. 2008 <http://vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/08.088/2888>.


Programa Praça-Escola

O desafio urbano no Brasil é o desafio das periferias - as novas Brasílias: estabelecer nas regiões metropolitanas brasileiras, na simbiose centro x periferia, um novo sistema de sentido, justiça e eficiência territorial, no qual o tripé equipamentos públicos / espaços públicos / infraestruturas é criador de novas cidades dentro de cidades e de um novo campo social, combatendo a cisão da sociedade (a linha vertical). Este tripé levará a civilização brasileira um passo adiante, tal qual Brasília como meta-síntese da sociedade de outra época.

O Programa Praça-Escola, em implantação na cidade de Nova Iguaçu, tem como principal objetivo estabelecer uma rede de espaços livres públicos que se articule à rede de equipamentos existentes, ou a implantar, na totalidade da cidade. A rede de equipamentos envolve as escolas públicas - foco principal do projeto e local gerador da demanda dos novos espaços públicos - os postos e unidades de saúde, as demais instituições públicas e os parceiros do programa Bairro-Escola - responsáveis pelas atividades suporte do horário integral em implantação na rede educacional. Esta rede conta com 98 escolas, fato que determinou o universo de 100 praças a serem implantadas.

As principais constatações, presentes na condição periférica da cidade e que nortearam os projetos são:

A - A aridez das áreas públicas, geradora de condição climática desfavorável, em contraposição à vegetação abundante dos espaços privados;B - A presença de atividades esportivas nos locais de intervenção, seja em praças configuradas ou em terrenos baldios;C - O abandono das estruturas públicas, observado na quase totalidade da cidade.

Associada a estas feições, a demanda por grandes áreas de atividades para atender as turmas do horário integral das escolas.

As propostas estão fundamentadas na criação de uma nova espacialidade e uma nova paisagem, conduzida pela articulação de elementos estruturadores básicos, criados como resposta às questões postas acima, e em acordo com as especificidades encontradas em cada caso:

Amenidades ambientais
Topografia (morrotes), estruturas de sombra, bosques e permeabilidade do solo;

Cardápio de atividades
Campo ou quadra, ginástica, jogos e playground;

Equipamentos permeáveis e interativos
Quadra aberta (onde piso, alambrado e marcação de jogo não configuram um elemento estanque) e telecentro-brinquedo  ambos elementos de afirmação do sentido comunitário;

Praça-brinquedo
Mobiliário especial para atender a grandes grupos.

As intervenções, na medida em que saem do papel uma após outra, costuram o tecido esgarçado da cidade e concorrem para a refundação de seus espaços públicos, agora abordados de forma articulada, partindo-se do reconhecimento do binômio escola-praça como peça central do ambiente urbano.

Planta Praça Imperatriz
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça da Viga
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça da Luz
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça Carlos Gomes
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça Valverde
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça Zé Duro
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça Cajueiros
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça Catatau
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça Ipê Amarelo
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça grama
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça Tupy
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça Clau Gomes
Imagem dos autores do projeto

Planta Praça da Figueira
Imagem dos autores do projeto

ficha técnica

Cliente
Prefeitura da Cidade de Nova Iguaçu

Ano
2006/2007

Área aproximada
15 Ha.

Secretaria Adjunta de Projetos Urbanos (SPUr)

Secretário Adjunto
Washington Fajardo

Assessora Chefe
Adriana Sansão

Subsecretário de Patrimônio Cultural
Paulo Vidal

Arquitetos
Leandro Balbio
Fabrício Pinheiro
Gabriela Dalmasso
Luiza Farias
Márcia Naglis
Pedro Évora
Raul Bueno
Renata Araújo

Colaboradores
Aline Xavier
Ana Carolina Lopes
Anna Paulina Kupperman
Renato Barandier
Ricardo Kawamoto
Verônica Natividade
Luiz Paulo Molina

Orçamento
Alberto Sá
Celso Paixão
Paulo Melo
Valéria Silva

Consultores
Educação – Bia Goulart
Engenharia – Ruy Azevedo
Infra-estrutura – Marcelo Tenório
Paisagismo – Dália Pais

comments

088.01 Profissional
abstracts
how to quote

languages

original: português

source
Secretaria Adjunta de Projetos Urbanos
Nova Iguaçu RJ Brasil

share

088

088.02 Concurso

Concurso de Idéias Parque Central Porzuna

newspaper


© 2000–2017 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided