Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

drops ISSN 2175-6716

abstracts

português
No dia da arquiteta e urbanista, o Abilio Guerra escreve – a pedido do CAU/BR – sobre as mulheres que habitam o universo editorial da Romano Guerra Editora.

how to quote

GUERRA, Abilio. As arquitetas e os livros. Dia nacional da arquiteta e urbanista. Drops, São Paulo, ano 21, n. 166.02, Vitruvius, jul. 2021 <https://vitruvius.com.br/revistas/read/drops/21.166/8180>.



No dia 31 de julho se comemora o “Dia nacional da mulher arquiteta e urbanista”, data criada no dia 7 de agosto de 2020 pela 11ª Plenária Extraordinária do CAU/BR, que remete de forma simbólica a uma das bandeiras da nova gestão da entidade: a igualdade de gênero no exercício profissional em suas mais variadas modalidades. Fundadora e primeira presidente da Associação Brasileira de Arquitetos Paisagistas – Abap e primeira mulher a ganhar o Colar de Ouro do Instituto de Arquitetos do Brasil – IAB/DN, a arquiteta Rosa Kliass foi escolhida para dar cara e expressão à nova data. Além dos numerosos reconhecimentos que mereceu nos anos recentes, Kliass se presenteou com a autobiografia O livro da Rosa vivência e paisagens, publicado em 2019 pela Romano Guerra Editora. Usamos, portanto, essa efeméride para iniciar nossa breve história sobre os vínculos que mantemos com esse assunto tão candente.

Nesse mês de julho que se comemora o dia da arquiteta pela primeira vez, o livro Leituras críticas de Ruth Verde Zein, publicado pela Romano Guerra, recebeu do Comitê Internacional de Crítica da Arquitetura o Prêmio CICA Bruno Zevi Book 2020, solenidade adiada para esse ano devido a pandemia de Covid-19. A feliz coincidência é ainda mais significativa para uma casa editorial marcada pelas presenças femininas das editoras Silvana Romano e Fernanda Critelli, e de colaboradoras valorosas ao longo dos anos, como Claudia dos Reis e Cunha, Ivana Barossi, Marina Amado, Patrícia Oliveira Lima, Nina Dalla, Maria Claudia Levy, Fabiana Perazolo, Jennifer Cabral e Juliana Kuperman. E diante da constatação óbvia que não se faz livros sem recursos, foi imprescindível a participação de Ivanise Calil na captação de recursos para dois livros fundamentais da editora: de João Filgueiras Lima, o Lelé (Arquitetura – uma experiência na área de saúde, 2012); e de Roberto Segre (Ministério da Educação e Saúde – ícone urbano da modernidade brasileira, 2013), nosso livro mais premiado. Em comum, todas são arquitetas!

Desde sua origem a RG tem compartilhado com arquitetas o prazer de fazer livros. No já longínquo ano de 2003 foi publicado o livro Grupo Arquitetura Nova – Flávio Império, Rodrigo Lefèvre e Sérgio Ferro, de Ana Paula Koury, dentro da coleção Olhar Arquitetônico concebida por Mayumi Okuyama, em parceria com Carlito Carvalhosa. Outras arquitetas se ocuparam dos projetos gráficos das edições ao longo dos anos, casos de Eliana Tachibana, Clara Laurentiis e Maria Claudia Levy. Esta última compartilhou com nós editores o prêmio Jabuti 2020, na categoria Projeto Gráfico, vencido pelo livro Arquiteturas contemporâneas no Paraguai.

Além de Ruth Verde Zein e Ana Paula Koury (esta, com diversas participações valiosas como coordenadora editorial, pesquisadora e desenhista), são muitas as arquitetas autoras de livros da RG: Olivia de Oliveira (Lina Bo Bardi sutis substâncias da arquitetura, 2006); Luciana Tombi Brasil (David Libeskind – ensaio sobre as residências unifamiliares, 2007); Lia Mayumi (Taipa, canela-preta e concreto, 2008); Denise Antonucci, Angélica Alvim, Silvana Zioni e Volia Costa Kato (UN-Habitat: das declarações aos compromissos, 2010); Marlene Milan Acayaba (Residências em São Paulo, 2011); Marianne Wenzel (com Mauro Munhoz, Museu do Futebolarquitetura e requalificação no Estádio do Pacaembu, 2012); Nadia Somekh (A cidade vertical e o urbanismo modernizador, 2014) e Helena Ayoub (Abrahão Sanovicz, arquiteto, 2017). Ana Luiza Nobre participou como organizadora de livro (com João Masao Kamita, Arquitetura atlânticadeslocamentos entre Brasil e Portugal, 2020), mesmo papel cumprido em outras ocasiões pelas autoras Angélica Alvim, Ruth Verde Zein e Nadia Somekh. E não podemos nos esquecer das participações especiais: Mita Ito como pesquisadora do livro sobre Marcello Fragelli; Maria Isabel Imbronito, autora de textos no livro monográfico sobre Eduardo de Almeida; Cecilia Rodrigues dos Santos, autora da apresentação de Residências em São Paulo; e Silvia Ferreira Santos Wolff, autora da apresentação do volume sobre o Museu do Futebol.

Mas a Romano Guerra sabe que há ainda muito a fazer para se alcançar a justa igualdade de gênero nas atividades editoriais, pois apenas as arquitetas Rosa Kliass e Lina Bo Bardi (por duas vezes) se tornaram tema principal de nossos livros. O desequilíbrio no mundo dos livros reflete uma realidade estrutural, que envolve não apenas o fazer editorial, mas também a pesquisa acadêmica, a prática profissional e a valoração social, todas elas marcadas por relações desiguais entre homens e mulheres. Mas se as exceções confirmam a regra, elas também apontam para a transformação em curso. O livro de Rosa Kliass envolve as participações vitais de Lucia Costa e Ciça Gorski na organização, assim como um dos livros sobre Lina Bo Bardi é de autoria de Olivia de Oliveira. Arquitetas pesquisando, estudando e escrevendo sobre arquitetas.

Assim, no dia que arquitetas e urbanistas celebram seu dia, nós da Romano Guerra Editora agradecemos as arquitetas que conferiram corpo e alma aos nossos livros.

nota

NE – Publicação original do texto: GUERRA, Abilio. Dia Nacional da Arquiteta e Urbanista: as arquitetas e os livros <https://www.caubr.gov.br/dia-nacional-da-arquiteta-e-urbanista-as-arquitetas-e-os-livros/>.

sobre o autor

Abilio Guerra é arquiteto (FAU PUC-Campinas, 1982), mestre e doutor em História (IFCH Unicamp, 1992 e 2002), professor adjunto da FAU Mackenzie. Com Silvana Romano Santos, é editor da Romano Guerra Editora e do Portal Vitruvius.

bibliografia citada

ACAYABA, Marlene Milan. Residências em São Paulo 1947-1975. RG facsimile, volume 1. São Paulo, Romano Guerra, 2011.

ALVIM, Angélica Tanus Benatti; CASTRO, Luiz Guilherme Rivera de (Orgs.). Avaliação de políticas urbanas – contexto e perspectivas. São Paulo, Romano Guerra, 2010.

ANTONUCCI, Denise; ALVIM, Angélica Tanus Benatti; ZIONI, Silvana; COSTA KATO, Volia. UN-Habitat: das declarações aos compromissos. Coleção RG bolso, volume 7. São Paulo, Romano Guerra, 2010.

BRASIL, Luciana Tombi. David Libeskind – ensaio sobre as residências unifamiliares. Coleção Olhar Arquitetônico, volume 2. São Paulo, Romano Guerra/Edusp, 2007.

FERRAZ, Marcelo Carvalho (Org.). Lina Bo Bardi. 5ª edição, São Paulo, Instituto Lina Bo e P.M. Bardi, Romano Guerra, 2018.

FRAGELLI, Marcello. Quarenta anos de prancheta. São Paulo, Romano Guerra, 2010.

GOMA OFICINA, Coletivo (Org.). Arquiteturas contemporâneas no Paraguai. São Paulo, Editora da Cidade, Romano Guerra, 2019.

GUERRA, Abilio (Org.). Eduardo de Almeida. Textos de Luis Espallargas Gimenez e Maria Isabel Imbronito. Coleção Arquiteto Brasileiro Contemporâneo, volume 1. São Paulo, Romano Guerra, 2006.

KLIASS, Rosa. O livro da Rosa – vivência e paisagens. Organização de Lucia Maria Sá Antunes Costa e Maria Cecília Barbieri Gorski. São Paulo, Romano Guerra, 2019.

KOURY, Ana Paula. Grupo Arquitetura Nova – Flávio Império, Rodrigo Lefèvre e Sérgio Ferro. Coleção Olhar Arquitetônico, volume 1. São Paulo, Romano Guerra/Edusp, 2003.

LELÉ, João Filgueiras Lima. Arquitetura – uma experiência na área de saúde. São Paulo, Romano Guerra, 2012.

MAYUMI, Lia. Taipa, canela-preta e concreto – estudo sobre o restauro de casas bandeirista. Coleção Olhar Arquitetônico, São Paulo, Romano Guerra, 2008.

NOBRE, Ana Luiza; KAMITA, João Masao (Orgs.). Arquitetura atlânticadeslocamentos entre Brasil e Portugal. São Paulo, Romano Guerra, 2020.

OLIVEIRA, Olivia de. Lina Bo Bardi sutis substâncias da arquitetura. São Paulo, Romano Guerra/Gustavo Gili, 2006.

SEGRE, Roberto. Ministério da Educação e Saúde – ícone urbano da modernidade brasileira 1935-1945. São Paulo, Romano Guerra, 2013.

SILVA, Helena Ayoub. Abrahão Sanovicz, arquiteto. São Paulo, Romano Guerra, 2017.

SOMEKH, Nadia; SIMÕES JÚNIOR, José Geraldo (Orgs.). Bexiga em três tempos. Patrimônio cultural e desenvolvimento sustentável. São Paulo, Romano Guerra, 2020.

SOMEKH, Nadia. A cidade vertical e o urbanismo modernizador. 2ª edição revisada, São Paulo, Editora Mackenzie, Romano Guerra, 2014.

WENZEL, Marianne; MUNHOZ, Mauro. Museu do Futebolarquitetura e requalificação no Estádio do Pacaembu. São Paulo, Romano Guerra, 2012.

ZEIN, Ruth Verde (Org.). Caleidoscópio concreto. Fragmentos de arquitetura moderna em São Paulo. Coleção RG bolso, volume 11. São Paulo, Romano Guerra, 2017.

ZEIN, Ruth Verde. Leituras críticas. Pensamento da América Latina, volume 5. São Paulo/Austin, Nhamerica Platform, Romano Guerra, 2018.

 

comments

166.02 homenagem
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

166

166.01 política

O toque de recolher

Sobre o negacionismo de esquerda

Carlos A. Ferreira Martins

166.03

Quando há a morte da arquitetura

Brendow Butinhol and Caio Côbo

166.04 política

Praça, Supremo, cemitério

Milton Hatoum

166.05 crise

Pela preservação da Escola de Artes e Arquitetura Professor Edgar Albuquerque Graeff

Rodrigo Bastos

166.06 política

O fogo e as cinzas

Entre o renascimento de Fênix e a punição eterna de Prometeu

Carlos A. Ferreira Martins

166.07 eventos extremos

Velhos desastres, mesmas cidades

Alexandre Augusto Bezerra da Cunha Castro and Karla Azevedo dos Santos

166.08 instagram e pesquisa

Narrativas fotográficas no Instagram

Eduardo Oliveira Soares

166.09

O pobre desempenho ambiental dos escritórios por trás da caixa de vidro

Perspectivas futuras (parte 08/08)

Joana Gonçalves, Roberta Mülfarth, Marcelo Roméro, Alessandra Shimomura, Ranny Michalski, Eduardo Pizarro, João Cotta, Guilherme Reis, Paula Lelis and Juliana Pellegrini

newspaper


© 2000–2021 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided