Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

projects ISSN 2595-4245


abstracts

português
Amplitude, manutenção do terreno em sua composição original, visuais externas e internas e condicionantes bioclimáticas foram alguns aspectos considerados no projeto da Casa JRV, ao norte da ilha de Florianópolis

how to quote

PORTAL VITRUVIUS. Casa JRV. Projetos, São Paulo, ano 12, n. 136.05, Vitruvius, abr. 2012 <https://vitruvius.com.br/revistas/read/projetos/12.136/4258>.


O terreno apresentado consistia em um espaço plano, localizado dentro de um loteamento residencial, ao norte da Ilha de Santa Catarina, em Florianópolis, próximo a uma reserva natural e à praia de Moçambique.

O desenvolvimento da idéia inicial girou em torno das necessidades apresentadas pelo proprietário da residência. Sua primeira idéia era a construção de uma casa em toras de madeira, no estilo alpino rústico, porém , nas primeiras conversas, foi sugerida outra solução estética, com todo programa de necessidades incluído, porém com um diferente contexto estético. Amplitude, manutenção do terreno em sua composição original, visuais externas e internas e condicionantes bioclimáticas foram alguns aspectos analisados para a composição dessa nova proposta.

Uma das premissas fundamentais exigidas era de que todos os ambientes projetados deveriam estar em um mesmo nível, isto é, a exigência por uma casa inteiramente térrea era imutável. Outra primordial necessidade era de que, mesmo térrea, a residência deveria ter seus espaços de utilização bem definidos, setorizados, então dessa forma, os primeiros esboços gráficos apareceram.

Assim, a proposta final seguiu as idéias iniciais, delimitando os usos. Então, se planejou a ocupação do espaço.

Formada por três setores de ocupação distintos, procurou-se posicionar em cada volume uma determinada função. Na denominada área de vivencia foi posicionado a área da casa propriamente dita, com as dependências de jantar/estar/cozinha e banheiros/dormitórios.  Outro volume ocupou-se por abrigar as áreas de lavanderia, depósito e vagas para estacionamento, sendo denominado esse volume como setor de serviços. Por fim, um setor de lazer foi estipulado, ocupado por um espaço com churrasqueira e área de convivência. Todas essas áreas estão em torno de uma piscina, de contundente importância. Essa piscina, revestida por pastilhas de vidro verde, faz toda a conexão entre os diferentes setores e integra o projeto todo à paisagem ao redor.

Todos esses diferentes volumes, separados do solo, ao redor da piscina são fisicamente conectados por uma passarela de madeira, unindo os blocos independentes em um único conjunto, que como um todo parece flutuar no terreno.

Finalmente, para uma maior aproximação com o aspecto cru, primeiramente pedido pelo proprietário, para a composição da pele da casa foi usado concreto aparente nas estruturas principais, compondo juntamente com as tintas terracota por sobre os blocos de alvenaria, madeira de algumas esquadrias e grandes aberturas de vidro compõem o conjunto.

ficha técnica

localização
Rio Vermelho, Florianópolis SC Brasil

arquitetura
Otra Arquitetura Ltda.

projeto e fiscalização
Arquitetos Guilherme Zamboni Ferreira, Marcos Luciano Sica Garcia e Frederico Bertolazzi Zaniol

engenharia estrutural
Carlos Arnaldo Hintz

engenharia hidrossanitaria e elétrica
Quatro Engenheiros Associados Ltda.

iluminação
Nilson Silva

área construída
450,00 m²

área do terreno
2.480,00 m²

fotografia
Guilherme Zamboni Ferreira

comments

136.05
abstracts
how to quote

languages

original: português

source

share

136

136.01 habitação unifamiliar

Casa no Juso

136.02 habitação unifamiliar

Casa V

136.03 habitação unifamiliar

Residência no Jardim Paulistano

136.04 habitação unifamiliar

Casa em Xangri-lá

136.06 habitação unifamiliar

Residência unifamiliar em São Paulo

Bruno Roberto Padovano

136.07 reciclagem

Obra comercial en el barrio de Palermo, Buenos Aires

newspaper


© 2000–2021 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided