Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

interview ISSN 2175-6708

abstracts

português
Antônio Agenor Barbosa entrevista Jô Vasconcellos, arquiteta responsável por projetos institucionais como o Museu da Cachaça e o Espaço de Conhecimento UFMG.

english
Antônio Agenor Barbosa interviews Jô Vasconcellos, architect responsible for institutional projects such as the Cachaça Museum and the UFMG Knowledge Space.

español
Antônio Agenor Barbosa entrevista a Jô Vasconcellos, arquitecta responsable de proyectos institucionales como el Museo de la Cachaça y el Espacio del Conocimiento de la UFMG.

how to quote

BARBOSA, Antônio Agenor. Entrevista com a arquiteta Jô Vasconcellos. Entrevista, São Paulo, ano 22, n. 089.01, Vitruvius, jan. 2022 <https://vitruvius.com.br/revistas/read/entrevista/22.089/8424>.


Jô Vasconcellos
Foto divulgação

Maria Josefina de Vasconcellos

Maria Josefina de Vasconcellos ou apenas Jô Vasconcellos, como é mais conhecida, nasceu em 1947, em Belo Horizonte. Formou-se na Escola de Arquitetura da UFMG, em 1971, mesma instituição em que outro membro de sua família, o arquiteto e historiador Sylvio de Vasconcellos, tinha ocupado a cátedra da disciplina Arquitetura no Brasil. Especializou-se em Paisagismo (1973) e em Restauração e Conservação de Monumentos e Conjuntos Históricos, áreas dentro das quais se destacava dentro do grupo 3 Arquitetos, junto a Eólo Maia e Sylvio de Podestá. Além das restaurações — "reciclagens", nos termos utilizados pela arquiteta — também se destacou em projetos de praças e intervenções em espaços públicos.

Logo nos primeiros anos de atuação profissional, participa de diversos concursos e premiações, mesmo momento em que inicia uma longa parceria afetiva e profissional com Éolo Maia. Em 1981, monta escritório com Maia e Sylvio de Podestá, com quem já dividia a atividade de publicação dos periódicos Vão Livre e Pampulha. É deste período que o grupo publica os livros "3 Arquitetos" (1982; 1985) e ganha visibilidade no cenário brasileiro e no exterior. Assim como Maia e Podestá, respondem por uma clara aproximação com o repertório da arquitetura pós-moderna internacional, caracterizando a chamada "pós-mineiridade", nos termos do historiador Hugo Segawa.

Passa a coordenar o escritório Jô Vasconcellos & Arquitetos Associados após o falecimento de Maia e do fechamento, portanto, do antigo escritório Maia Arquitetos Associados. Desta fase destacam-se os projetos institucionais, como o Museu da Cachaça (2012), em Salinas MG, e o Espaço de Conhecimento UFMG (2014), em Belo Horizonte. Entre 2005 e 2006, foi responsável pela curadoria da exposição "Éolo Maia: O Vento sobre a Cidade" realizada em Belo Horizonte e em São Paulo (1).

Antônio Agenor Barbosa

Arquiteto e urbanista, mestre em Urbanismo (Prourb FAU UFRJ) e doutor em Antropologia Cultural (PPGSA IFCS UFRJ). Professor adjunto do Departamento de Projeto, História e Teoria da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Juiz de Fora. Realizou estágio de pós-doutorado no Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais da Universidade do Estado do Rio de Janeiro e atualmente é Pesquisador do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Espaço, Simbolismo e Poder no IFCS UFRJ. É coorganizador do livro “Mediações Arquitetônicas: Redes profissionais e práticas estatais no Rio de Janeiro”, publicado em 2021 pela Editora Papéis Selvagens (2).

Entrevista

Esta entrevista com a arquiteta Jô Vasconcellos foi realizada em dois encontros, nos dias 11 de maio de 2021 e em 18 de maio de 2021, de maneira remota.

Edifício Fashion Center, Belo Horizonte MG [Acervo Jô Vasconcellos]

notas

1
VASCONCELLOS, Jô. Eolo Maia, Maria Josefina de Vasconcellos e Sylvio E. de Podestá publicam “3 Arquitetos”. Cronologia do Pensamento Urbanístico <https://bit.ly/3IUWvVS>.

2
Núcleo de Estudos e Pesquisas em Espaço, Simbolismo e Poder <https://bit.ly/3pM87CW>.

comments

089.01
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

089

newspaper


© 2000–2022 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided