Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

drops ISSN 2175-6716

abstracts

português
A mostra sobre Irineu Breitman acontece na sede do IAB-RS e apresentará fotografias atuais de algumas das principais obras do arquiteto, além de desenhos e imagens retiradas de seu arquivo pessoal. A exposição ocorre até 06 de maio e a entrada é franca.

how to quote

ALMEIDA, Guilherme de; DONADUSSI, Marcelo; BUENO, Marcos. Irineu Breitman. Exposição sobre a obra de um dos pioneiros da arquitetura moderna gaúcha. Drops, São Paulo, ano 11, n. 043.05, Vitruvius, abr. 2011 <https://vitruvius.com.br/revistas/read/drops/11.043/3825>.



No dia 3 de junho de 1930 nascia, em Cachoeira do Sul, Irineu Breitman. Filho do renomado “fotógrafo-poeta” Sioma Breitman, de quem herdou o talento do olhar, Irineu conclui sua formação acadêmica em 1953, na Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Faz parte de uma geração pioneira, que introduziu e consolidou a arquitetura moderna no sul do país.

Sua produção mais reconhecida se dá no campo da arquitetura hospitalar, através de projetos como o Hospital Fêmina, em Porto Alegre; Hospital Regional da Grande Florianópolis, em São José, bem como o Hospital Regional do Oeste, em Chapecó. Estes são apenas alguns dos exemplares que colocam Irineu Breitman como referencial na área de projetos hospitalares, ao lado de importantes nomes como Jarbas Karman e João Filgueiras Lima.

O arquiteto, mesmo com foco bem definido, não deixou de lado outros temas da arquitetura. Construiu relevante obra, com programas variados, desde residências até indústrias, passando por escolas, hotéis, lojas, edificações esportivas e culturais. Desta maneira, a profícua atividade profissional de Breitman tornou possível ao arquiteto o trânsito competente entre as mais variadas demandas.

Os primeiros projetos de Irineu Breitman têm como referência os arquitetos da escola carioca, principalmente Jorge Moreira. O contato direto com Vilanova Artigas, que fazia de seu escritório um ponto de encontro de jovens estudantes, bem como a constante troca de experiências com seu colega João Filgueiras Lima, também repercutiram definitivamente na prática projetual de Breitman. Sendo assim, vinculado à modernidade dos anos 1950 e 1960, Irineu desenvolve sua arquitetura de maneira madura, modificando seu vocabulário ao longo do tempo, em uma adaptação às necessidades de cada encargo.

A exposição (1) se divide em duas partes. A primeira exibe fotografias atuais de algumas de suas principais obras, revelando a qualidade plástica que ainda permanece. Na segunda comparecem desenhos e fotografias retiradas do arquivo pessoal de Breitman: documentos que, de certa maneira, compõem a história de nossa arquitetura moderna.

Esta é uma homenagem, mesmo que singela perto da importância de tal personalidade da arquitetura brasileira. Colocamo-nos aqui, além de estudiosos da arquitetura, como admiradores da pessoa e obra deste arquiteto, e nos unimos com orgulho a muitos outros neste justo reconhecimento.

nota

1
Exposição “Irineu Breitman”, comemoração dos 80 anos do arquiteto. Organização de Guilherme de Almeida, Marcelo Donadussi e Marcos Bueno. Fotos Marcelo Donadussi. Sede do IAB-RS. Rua General Canabarro 363, Porto Alegre RS, de 06 de abril a 06 de maio de 2011. Promoção IAB-RS.

sobre os autores

Guilherme Essvein de Almeida, graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) em 2007. Docente na área de Teoria e História da Arquitetura e Projeto na Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), especialista pela PUC-RS (2008) em Arquitetura e Patrimônio Arquitetônico Brasileiro e mestrando em Teoria, História e Crítica da Arquitetura no Programa de Pós-Graduação em Arquitetura da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Propar).

Marcelo Donadussi, graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) em 2006, atua na área de fotografia de arquitetura e publicidade. Realizou curso de fotografia de arquitetura com o arquiteto Nelson Kon e construção de portfólio com a jornalista e fotógrafa Jacqueline Joner. Participou de cursos e eventos relacionados à fotografia.

Marcos Bueno, graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) em 2004, atualmente é mestrando do Programa de Pós-graduação em Arquitetura da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e bolsista Capes. Possui experiência na área de projeto, teoria e história da arquitetura.

 

05.
Foto Marcelo Donadussi

06.
Foto Marcelo Donadussi

07. Hospital Miguel Piltcher, Pelotas RS. Arquiteto Irineu Breitman
Foto Marcelo Donadussi

Hospital Regional do Oeste, Chapecó SC. Arquiteto Irineu Breitman
Foto Marcelo Donadussi

Hospital Regional do Oeste, Chapecó SC. Arquiteto Irineu Breitman
Foto Marcelo Donadussi

Clínica Pinel, Porto Alegre RS. Arquiteto Irineu Breitman
Foto Marcelo Donadussi

 

comments

newspaper


© 2000–2021 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided