Your browser is out-of-date.

In order to have a more interesting navigation, we suggest upgrading your browser, clicking in one of the following links.
All browsers are free and easy to install.

 
  • in vitruvius
    • in magazines
    • in journal
  • \/
  •  

research

magazines

drops ISSN 2175-6716

abstracts

português
A Abedesign – Associação Brasileira de Empresas de Design – divulga carta aberta em defesa da manutenção da atual gestão do Museu da Casa Brasileira, sob o comando de sua diretora geral Miriam Lerner.

how to quote

LISITA, Gustavo Greco; PEREIRA, Ludmila Oliveira da Cunha; VANNUCCHI, Giovanni; ABEDESIGN, Associação Brasileira de Empresas de Design. Carta aberta sobre a mudança no Museu da Casa Brasileira. Drops, São Paulo, ano 21, n. 165.03, Vitruvius, jun. 2021 <https://vitruvius.com.br/revistas/read/drops/21.165/8120>.



Foi com grande apreensão que lemos a matéria “Museu da Casa Brasileira vai ficar sob o comando da Fundação Padre Anchieta” publicada em 14 de junho último (1). A Abedesign, representante dos principais escritórios de design de todo o país, tem sido testemunha do excelente trabalho que a equipe do Museu da Casa Brasileira – MCB (2) tem desenvolvido sob o comando de sua diretora geral Miriam Lerner. O design brasileiro cada vez mais tem assumido seu protagonismo cultural, social e econômico, não só na sociedade brasileira, mas com grande reconhecimento também em nível internacional.

Nesse contexto, o MCB tem contribuído em muito para a divulgação de nosso design não só junto aos profissionais da área, mas, mais importante ainda, para o público em geral. Basta ver o grande aumento no número de visitantes. Foi inclusive no espaço do MCB que celebramos o Brasil Design Award 2019, maior prêmio do design brasileiro, que vem sendo gerido pela Abedesign.

A diversidade de exposições, seja de design ou arquitetura, permitem um olhar amplo e positivo do que melhor tem se produzido não só no Brasil, mas também no mundo. O Prêmio Design Museu da Casa Brasileira, com mais de trinta anos de existência, é com certeza o de maior prestígio no país e, é um registro não só contemporâneo, mas também histórico e muitos dos premiados se revelaram figuras destacadas da produção nacional.

Soma-se a isto o importante acervo que expõe o ato de morar na casa brasileira, nas mais distintas regiões; as feiras; os encontros musicais aos domingos, absolutamente democráticos e diversos, entre outras atividades e vemos que o MCB é com certeza um dos museus mais vivos de nossa cidade. Nos preocupa, portanto, que a mudança de comando, vinculando o museu a uma entidade cujo papel são as atividades vinculadas à radiodifusão e TV públicas, desta forma sem nenhuma relação com a gestão cultural de um museu, ponha a perder todos esses anos de construção excepcional da identidade do design e da arquitetura brasileiros.

notas

1
ANGIOLILLO, Francesca. Museu da Casa Brasileira vai ficar sob o comando da Fundação Padre Anchieta. Caderno Ilustrada. Folha de S.Paulo, São Paulo, 14 jun. 2021.

2
Museu da Casa Brasileira – MCB, instituição da Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, situada na capital paulista, dedica-se às questões da morada brasileira pelo viés da arquitetura e do design. Atualmente é gerido pela Organização Social de Cultura A Casa Museu de Artes e Artefatos Brasileiros, através de contrato assinado com a Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.

sobre a autoria

Gustavo Greco Lisita é diretor presidente da Abedesign.

Ludmila Oliveira da Cunha Pereira é diretora vice-presidente da Abedesign.

Giovanni Vannucchi é membro do Conselho Consultivo da Abedesign

A Abedesign – Associação Brasileira de Empresas de Design é voltada exclusivamente para pessoas jurídicas que tenham como negócio principal a prestação de serviços de projetos de Design, em todas as suas áreas de manifestação, seja o design gráfico, o design de produto, o design de embalagem, web design, design digital – todas as áreas do design contemporâneo.

À esquerda, cadeira de couro D. José I, século XVII; à direita, cadeira Beranger, com madeira jacarandá-da-bahia, Recife, século 19
Fotos divulgação [Acervo MCB]

 

comments

165.03 defesa da cultura
abstracts
how to quote

languages

original: português

share

165

165.01 política

Mentiras criminosas e mentiras amenas

Milton Hatoum

165.02 política

O berrante e a boiada

Carlos A. Ferreira Martins

165.04 arquitetura e memória

A demolição do tobogã e as memórias de um torcedor

A privatização e elitização do Estádio do Pacaembu

Erick Vicente

165.05 política

O novo e velho BBB

Udenismo nosso de cada dia

Carlos A. Ferreira Martins

165.06 homenagem

Jaime Lerner (1937-2021)

O homem que reinventava cidades

Vicente Loureiro

165.07 desempenho ambiental

O pobre desempenho ambiental dos escritórios por trás da caixa de vidro

O mito das certificações verdes (parte 7/8)

Ranny Michalski, Joana Gonçalves, Roberta Mülfarth, Marcelo Roméro, Alessandra Shimomura, Eduardo Pizarro, Monica Marcondes-Cavaleri, Paula Lelis, Marcelo Mello and João Cotta

newspaper


© 2000–2021 Vitruvius
All rights reserved

The sources are always responsible for the accuracy of the information provided